Pular para o conteúdo

5 dicas para desenvolver o senso crítico na educação infantil

Share this post on social!

Desde quando começam a ter o mínimo de entendimento do mundo à sua volta, as crianças desenvolvem a capacidade de questionar os acontecimentos ao longo do dia a dia, com graciosidade e com uma inocência encantadora.

Logo, eles nos cercam com perguntas e com sua opinião sobre os assuntos e às vezes falam de coisas que paramos e pensamos: mas como assim, eu não fazia essas perguntas na idade deles, eu não tinha essa capacidade argumentativa e a empatia que as crianças demonstram hoje em dia. 

Com esse pensamento de desvendar um pouco da enorme capacidade das nossas crianças na primeira infância, é que vamos entender o que é senso crítico dentro do processo da educação infantil, descobrindo maneiras de desenvolver melhor essa habilidade consciente nos pequenos. 

Mas agora, vamos à pergunta inicial!

O que é senso crítico na educação infantil?

O senso crítico é a capacidade que temos de elaborar nossas próprias ideias sobre os assuntos e situações à nossa volta, de forma consciente e independente. 

Na educação infantil essa definição ganha um pouco mais de brilho, pois estamos falando da fase de muitas descobertas, e desenvolver senso crítico a partir de uma boa base de fundamentos e habilidades necessárias para a vida em sociedade, permite o desenvolvimento da autonomia a partir do respeito a autenticidade de cada criança. 

Uma coisa que precisamos saber é que às vezes só notamos quando estamos rodeados pelas crianças, é a enorme capacidade de absorver todo exemplo que fornecemos com nossas atitudes cotidianas. 

O que nossas crianças aprendem no ambiente escolar vai influenciar toda a sua vida e nós precisamos demonstrar segurança quanto a isso e pensar, que desde os primeiros passos na vida escolar as crianças têm a necessidade de estabelecer contato com uma variedade de pensamentos. 

A capacidade de lidar com pequenas situações, como por exemplo: por que o recreio já acabou? Por que eu tenho que escovar os dentes depois das refeições? Pode gerar nas crianças, a oportunidade de entender que o tempo deve ser administrado, que existem coisas que beneficiam nossa saúde e bem-estar.

Quando falamos do desenvolvimento do pensamento crítico em sala de aula, pensamos em um processo complexo e cheio de estratégias complicadas, porém, se dá de maneira simples. 

Uma das características mais comuns do desenvolvimento do senso crítico é a continuidade. Isso é um processo contínuo, onde as crianças podem aprender a todo instante. 

Então se você observar um grupo de crianças brincando a uma distância segura, vai perceber a enorme capacidade crítica que elas desempenham em sua socialização, conseguindo expressar suas opiniões e sendo menos resistente ao pensamento do outro a cada novo aprendizado. 

Qual a diferença entre senso crítico e senso comum 

O senso comum é o conhecimento que as pessoas adquirem a partir das situações cotidianas, aplicando soluções práticas para os problemas ou para os questionamentos de forma mais superficial, sem grande aprofundamento reflexivo ou técnico sobre os assuntos, baseando suas ideias em costumes socioculturais.   

Dessa forma, permanecer no senso comum é algo perigoso para nossa vida, e logicamente para a vida e formação das crianças, onde ficamos cada vez mais propensos a manipulação pela superficialidade das situações. 

Quando pensamos em senso crítico, estamos falando em aprofundar nosso conhecimento sobre determinados assuntos e no quesito do desenvolvimento das crianças, a princípio, é direcionar para que entendam as pequenas situações do dia a dia e conheçam o mundo a sua volta de maneira reflexiva para que possam crescer com ideias criativas e humanizadas. 

Como desenvolver o senso crítico das crianças? 

As crianças precisam desenvolver a capacidade analítica para compreender o mundo a sua volta no início do seu processo de desenvolvimento. 

O desenvolvimento desse pensamento crítico é dado a partir da liberdade para a criança elaborar respostas, independente da atribuição de certo ou errado em suas atitudes, mas pautado na explicação das situações e comportamentos que melhor se adequam a cada situação concreta. 

Uma das maneiras mais comuns de incentivar o desenvolvimento do senso crítico dos pequenos é ter uma abordagem analítica e respeitosa sobre as situações do cotidiano.

Pensando assim, quando você está em casa com seu filho e não lhe dá todas as respostas, mas instiga sua imaginação e capacidade de desenvolver um pensamento sobre algo, você está ajudando a formular esse senso crítico de maneira segura.

Dessa forma, em casa, quando seu filho lhe faz uma pergunta ou mesmo quando ele tem alguma atitude que não condiz com os valores que tem sido demonstrado para ele, uma boa alternativa é encorajá-lo a avaliar as consequências da situação e buscar maneiras de solucionar as situações com simplicidade. 

Perguntar a opinião das crianças sobre determinados assuntos é uma opção viável para desenvolver o senso crítico delas, com certeza. 

Uma pessoa com um bom posicionamento sobre os assuntos a sua volta, que respeita os outros e desde cedo tem a capacidade de defender seu ponto de vista a partir de uma base sólida de argumentos, envolta de conhecimento crítico das situações, sem dúvidas vai ser uma pessoa de sucesso ao longo da vida. 

Confira 5 dicas que podem ajudar no desenvolvimento do senso crítico das crianças: 

1. Despertar a curiosidade

As crianças têm uma curiosidade nata, isso é um fato. Então nós como adultos devemos sempre demonstrar como é mágico aprender algo novo e incentivar as crianças a explorar o ambiente a sua volta.

Realizar brincadeiras e atividades que permitam que elas se expressem é uma maneira de fazê-las refletir criticamente sobre suas atitudes em relação ao mundo a sua volta. 

Entrar no mundo da imaginação com as crianças e fazer brincadeiras de faz de conta direcionando suas habilidades, vai desenvolver o autoconhecimento delas de forma lúdica. 

Quase sempre nas brincadeiras as crianças demonstram suas opiniões sobre os adultos à sua volta e isso pode ser direcionado para reflexões simples, mas que farão a diferença na formação do seu senso crítico. 

2. Permitir que elaborem suas próprias respostas

Às vezes, na correria do dia a dia entregamos respostas prontas para os questionamentos das crianças e isso pode interromper uma descoberta. 

Quando uma criança pergunta algo, podemos apenas responder ou fazer com que ela chegue à resposta de forma divertida e eficaz. 

Em casa, essa estratégia pode ser utilizada nos momentos de brincadeiras e leitura, onde as crianças demonstram bastante interesse em descobrir. 

No ambiente escolar, levantar debates sobre assuntos de interesse coletivo, muitas vezes pode gerar uma argumentação dentro da sala de aula que ajuda a desenvolver a criticidade das crianças sobre determinado tema. 

3. Incentivar o diálogo e a argumentação

O diálogo deve ser incentivado não só na escola, mas em todos os ambientes em que a criança participa. 

Na sala de aula o fornecimento de informações concretas sobre os assuntos, o contato com brincadeiras, leitura, atividades e experiências práticas podem levantar discussões que devem ser aproveitados para desenvolver o senso crítico dos pequenos. 

À medida que eles têm contato com a informação direcionada dos assuntos e estão compartilhando isso no ambiente escolar, a capacidade de argumentação vai se manifestando, de modo que seu vocabulário é enriquecido, assim como a sua capacidade de entender as falas dos colegas, principalmente aquelas que divergem das suas. 

Deixar as crianças expressarem sua opinião livremente pode ser uma ótima oportunidade para ajudar no desenvolvimento do senso crítico, tendo na figura do professor um direcionador do diálogo. 

Nesses momentos de expressão de posicionamentos, as crianças começam a desenvolver o senso crítico e a capacidade de respeitar a opinião do outro. 

4. Incentivar a criatividade

Um grande ponto para o desenvolvimento do senso crítico das crianças é levá-las a conhecer diferentes culturas, ambientes diversificados e levar informações com segurança para elas. 

Uma simples brincadeira pode transformar a ideia de uma criança sobre determinado assunto que ela não conhecia. 

O ambiente criativo e a livre expressão da criatividade fazem com que os pequenos tenham um despertar para novas ideias, formuladas em situações concretas de aprendizado. 

Essas situações podem ser demonstradas no cotidiano da sala de aula, assim como através de passeios com as crianças, onde a própria família pode instigar a criatividade de maneira guiada, contribuindo para o aprimoramento do senso crítico. 

5. Estimular o hábito de leitura

O mundo mágico da leitura é com certeza uma grande oportunidade de ajudar a desenvolver nas crianças o senso crítico. 

As histórias podem ser aproveitadas por elas de acordo com a idade, e seus interesses vão mudando e amadurecendo juntos, nessa fase. Por isso, apresentar para as crianças leituras adequadas à sua idade ajudam no desenvolvimento desse senso crítico. Assim como diversificar esse universo. 

Outra importante coisa é ler para as crianças como uma forma de fazer a imaginação delas fluir de maneira imensurável, fazendo nascer a opinião sobre os assuntos e situações. Dentro da sala de aula, essa leitura é direcionada e envolve todas as crianças como forma de ajudar no desenvolvimento argumentativo delas. 

Assim, ofertar uma diversidade de temas pode permitir que elas demonstrem a capacidade de escolha, partindo de seus interesses já consolidados, de modo a criar o hábito da leitura como uma ferramenta que com certeza desenvolverá cada dia mais o senso crítico e a oportunidade de expressar suas ideias com segurança. 

Pensando nisso, venha conhecer a St. Nicholas School, e oferece para o seu filho a oportunidade de desenvolver um pensamento crítico desde as primeiras experiências escolares, de forma guiada, por profissionais qualificados e com currículo contendo experiências internacionais, com trocas culturais que permitem ao seu filho experiências globalizadas a partir de uma formação humanizada. 

Conheça assim, a St. Nicholas School e ofereça a melhor escola infantil particular de São Paulo, para o seu filho, com proposta internacional de ensino, voltada para o desenvolvimento do senso crítico, inserindo-o na coletividade a partir da socialização e do respeito à diversidade, assim como no desenvolvimento das suas individualidades. Clique no link para fazer admissão agora mesmo! https://stnicholas.com.br/admissions/.

Author

//
//
Alphaville
//
Pinheiros

Exclusive channel for parents interested in getting to know the school.